Faça parte

Qualquer pessoa pode fazer parte do COA Brasil, bastando para isso que leia com atenção o nosso Termo de Compromisso e que esteja de acordo com o conteúdo. Ao final, se tiver decidido se juntar a nós faça sua adesão preenchendo o formulário de adesão. Obrigado e bem vindo.

Formulário de adesão

Termo de Compromisso do COA Brasil

O Termo de Compromisso do COA Brasil é um documento que abrange as questões relativas à conduta dos membros do COA Brasil no que tange a relação dos membros entre si e em relação a terceiros, suas relações com o meio ambiente natural, e suas relações com o próprio COA enquanto instituição. É importante que seja lido por inteiro, uma vez que o interessado disposto a fazer parte do COA Brasil concorda em seguir as condutas expostas abaixo:

1. CONDUTA DOS MEMBROS DO COA BRASIL ENTRE SI E EM RELAÇÃO A TERCEIROS (PESSOAS EXTERNAS AO COA BRASIL).

1.1. Respeito mútuo de modo geral

Os membros do COA Brasil concordam em se respeitarem mutuamente e a terceiros (pessoas externas ao COA Brasil). Por “respeito” entende-se toda forma de boa consideração, cuidado, atenção, sensibilidade, etc. Ou seja, toda forma de conduta que não interfira negativamente nem restrinja ou fira o direito alheio ou cause mal estar de qualquer maneira.

1.2. Respeito ao direito de crença religiosa, ausência de crença religiosa, ideologia política (considerando as ideologias políticas que não firam os direitos humanos), etc.

Os membros do COA Brasil concordam em respeitar o direito dos demais membros do COA Brasil em manter suas próprias ideologias políticas, religiosas, crenças, etc. Dessa forma concordam que o COA Brasil é um grupo heterogêneo formado por pessoas do Brasil inteiro com as mais diversas formações sociais, valores, crenças, etc. e que isso em nenhum momento pode ser utilizado como julgamento de valor.

1.3. Respeito às mídias produzidas pelos membros do COA Brasil

Dentro do universo da observação de aves é muito comum a produção de mídias por seus participantes, sejam fotos, vídeos, áudios, etc. com frequência estas mídias são compartilhadas via aplicativos de conversa (como Whatsapp, Facebook messenger, etc.), em grupos ou mesmo em conversas privadas. Os membros do COA Brasil concordam em não utilizar de qualquer maneira as mídias de outros membros do COA Brasil para fins comerciais sem prévia autorização dos autores.

1.4. Respeito às leis vigentes em território nacional e internacional (no que tange mais especificamente à prática de observação de aves, trabalhos em ambiente natural, pesquisa, etc.)

Os membros do COA Brasil concordam em:

  • Solicitar sempre que possível o acesso a áreas privadas, quer estas sejam de propriedade de pessoas físicas ou de empresas, e acatar caso a resposta seja negativa quanto ao acesso;
  • Seguir todas as leis, normas e regulamentos relativos ao uso de estradas e áreas públicas, tanto em seu país quanto fora dele;
  • Respeitar as regras internas de Parques, Reservas, Unidades de Conservação(UCs) e locais de observação em geral, mesmo que seja uma área pública ou que seja cobrada a entrada;

1.5. Respeito e colaboração com os profissionais de áreas naturais, de pesquisa, conservação, etc.

Os membros do COA Brasil concordam em:

colaborar com o trabalho de guias, pesquisadores, monitores e agentes em geral que trabalham pela preservação da natureza.

1.6. Quando na condição de participante de grupos para a observação de aves

Os membros do COA Brasil concordam em:

  • Respeitar os interesses, direitos e habilidades dos demais membros do Grupo.
  • Dividir generosamente seu conhecimento e habilidade com os demais integrantes do grupo.
  • Na hipótese de identificar um comportamento pouco ético de um observador, após avaliar a situação e se achar aconselhável, oferecer a adequada orientação no sentido de fazer cessar a ação imprópria. Se, entretanto, não obtiver êxito, registre o fato e comunique às pessoas e/ou autoridades competentes (se a gravidade exigir).

1.7. Quando na condição de condutor (guia, facilitador, etc.) de grupos para a observação de aves atentar para os pontos adicionais abaixo

Os membros do COA Brasil concordam em:

  • Ser um exemplo de comportamento ético, ensinando através da palavra e da conduta;
  • Formar o Grupo com a quantidade de participantes que limite o impacto ao ambiente e que não interfira com outros utilizando a mesma área;
  • Assegurar que todos os participantes do Grupo conheçam e pratiquem as regras deste código;
  • Identificar e informar ao grupo sobre qualquer circunstância especial aplicável ao local que está sendo visitado, como, por exemplo, a proibição de utilização de gravadores sonoros.
  • Reconhecer que empresas de turismo e guias de observação de aves têm a obrigação de colocar o interesse público e o bem estar das aves acima de seus objetivos comerciais;
  • Manter registro das observações realizadas e documentar ocorrências incomuns para submeter ao conhecimento de organizações apropriadas;

2. CONDUTA DOS MEMBROS DO COA BRASIL EM RELAÇÃO ÀS AVES, DEMAIS ANIMAIS, E AMBIENTES NATURAIS DE MODO GERAL.

2.1. Respeito ao bem estar das aves (e demais animais) e de seu ambiente de modo geral

Os membros do COA Brasil concordam em:

  • Proteger o habitat das aves (e demais animais). Por “proteger” entende-se:
    1. Não descartar qualquer tipo de resíduo não natural no meio ambiente;
    2. Não descartar no ambiente resíduos naturais que possam ocasionar impactos negativos, por exemplo: sementes que possam germinar acarretando em invasão biológica de espécies estranhas ao ambiente, ou que atraiam animais para áreas onde fiquem expostos a atropelamento ou vulneráveis à caça.
    3. Evitar ou mesmo não fumar nos ambientes naturais, seja pelo perigo de fogo acidental seja pelo incômodo causado pela fumaça, odor, etc.
    4. Coletar tanto quanto possível os resíduos não naturais encontrados no meio natural, tomando cuidado para a coleta de resíduos potencialmente perigosos para a saúde;
    5. Não coletar em excesso qualquer elemento natural como plantas, frutos, pedras, galhos, etc. a não ser quando estritamente necessário ou quando o ato estiver associado a contexto de pesquisa, etc.
  • Evitar estressar e/ou expor as aves (e demais animais) ao perigo, comportando-se de forma cuidadosa quando em atividade de observação, fotografia, gravação sonora ou filmagem;
  • Evitar a utilização de gravações ou outros métodos de atração de aves (os chamados playbacks) em excesso; nunca usando esses métodos em áreas intensamente utilizadas para observação ou para atrair espécies ameaçadas, em perigo de extinção ou, ainda, de ocorrência rara ou restrita no local;
  • Utilizar com moderação luz artificial ou flash, especialmente para tomadas de curta distância;
  • Antes de comunicar a ocorrência de uma ave rara, avaliar o potencial de perturbação para a ave, para o ambiente e para as pessoas naquela localidade e somente prosseguir se o acesso à região puder ser controlado, a perturbação minimizada e, se for o caso, tiver sido obtida a permissão do proprietário da área. Os locais de nidificação de aves raras só devem ser divulgados às autoridades competentes;

2.2. Respeito ao processo de reprodução das aves

Os membros do COA Brasil concordam em:

  • Manter a distância mínima dos ninhos e colônias de nidificação e arenas de exibição;
  • Não realizar playbacks próximo a ninhos;
  • Permanecer o mínimo de tempo possível, caso sua presença seja percebida pela ave;
  • Jamais tocar em ninhos, ovos ou filhotes, nem alterar a camuflagem dos ninhos, incluindo a vegetação de seu entorno;
  • Evitar ao máximo utilizar flashes para registrar filhotes, aves chocando ou alimentando seus filhotes;

3. CONDUTA DOS MEMBROS DO COA BRASIL EM RELAÇÃO AO PRÓPRIO COA BRASIL ENQUANTO INSTITUIÇÃO.

3.1. Posicionamento em nome e/ou representando o COA Brasil

Os membros do COA Brasil concordam em não manifestarem qualquer posicionamento público e/ou privado em nome do COA Brasil e/ou como representantes do COA Brasil. O COA Brasil tomará posicionamentos públicos (como em defesa do meio ambiente, por exemplo), mas estes, quando feitos, serão formalizados por algum dos membros autorizados para tal ou membros ligados à organização deste grupo, e serão veiculados nos canais oficiais deste grupo.

3.2. Utilização da marca do COA Brasil

Os membros do COA Brasil concordam em não utilizar a marca (presente no topo de cada página deste documento) do COA Brasil para nenhum fim sem autorização da organização deste grupo. Ainda quando da autorização da utilização da marca esta deve ser solicitada e concedida de modo inequívoco, com possibilidades materiais de serem comprovadas (preferencialmente via email oficial do COA Brasil).

4. QUANDO DA DESASSOCIAÇÃO DE UM MEMBRO DO COA BRASIL

4.1. Por livre e espontânea vontade do membro participante

Os membros do COA Brasil concordam que a qualquer momento qualquer um dos membros participantes poderão solicitar a desassociação do COA Brasil.

4.2. Por quebra de conduta em relação aos valores do COA Brasil (expressos em seu Manifesto e em seu Termo de Compromisso)

Os membros do COA Brasil concordam que qualquer um dos membros participantes poderão ser desassociados do COA Brasil quando ficar configurada a quebra de conduta em relação a qualquer um dos valores do COA Brasil.

Formulário de adesão